Bradesco

  • 06/08/2018

    Sindicato reintegra bancária do Bradesco

    Funcionária, vítima de doença ocupacional, foi demitida em 2010 pelo extinto HSBC.


    Foto: SEEB Curitiba

    Na última quinta-feira, 02 de agosto, o Sindicato dos Bancários e Financiários de Curitiba e região e sua assessoria jurídica acompanharam a reintegração de uma bancária do extinto HSBC, sucedido pelo Bradesco, que foi vítima de doença ocupacional e demitida ilegalmente em agosto de 2010.

    Na época, a bancária, quando recebeu a notícia da demissão, procurou imediatamente o Sindicato que, por meio de sua assessoria jurídica, ingressou com a ação trabalhista. Dentre outros direitos, foi pleiteada a nulidade da sua dispensa com a consequente reintegração no emprego, o que foi reconhecido pela Justiça do Trabalho.

    "É uma grande vitória, pois a decisão judicial assegura não só o direito da empregada de retornar ao trabalho, como também que isto se dê no mesmo local, com a mesma função e com os mesmos salários e benefícios que recebia antes de ser demitida", resume a assessora jurídica do Sindicato Jane Salvador. 

    SEEB Curitiba